Minhas Canções.

sábado, 21 de janeiro de 2012

Campanha Estadual "Não Jogue Seu Filho no LIXO!!!!

A Comissão Estadual Judiciária de Adoção (Ceja), do Tribunal de Justiça do Rio, lançou nesta quinta-feira, dia 19, a campanha "Favor não jogar seu filho no lixo. Dar em adoção é sublime ato de amor", na Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro. O lançamento da campanha contou com a presença da desembargadora Conceição Mousnier, coordenadora da Ceja e idealizadora do movimento, e da vereadora Liliam Sá, presidente da Comissão Permanente dos Direitos da Criança e do Adolescente e autora da Lei Municipal nº 3446/02, que instituiu o dia 22 de novembro como o Dia Municipal de Combate à Violência Infantil.
Um projeto de lei para que o ato de jogar o filho no lixo se transforme em crime hediondo está sendo elaborado pela Ceja e será enviado à deputada federal Solange Amaral."Estudos já comprovaram que a criança tem memória pré-natal, portanto, os danos desse ato, mesmo quando o recém-nascido consegue ser salvo, é irreversível", afirmou a desembargadora.
Com o lançamento da campanha, cerca de 10 mil cartazes serão distribuídos em escolas, postos de saúde e comunidades de baixa renda. A vereadora anunciou também o telefone do Disque-Criança 0800 2829 996, que recebe denúncias de abuso sexual e de qualquer forma de violência infantil e maus tratos.
A juíza Ivone Caetano, titular da Vara da Infância, da Juventude e do Idoso da Capital, lembrou a sua história de pessoa que veio de uma família muito pobre e venceu as dificuldades graças ao amor que recebeu de sua mãe. "Tenho 15 anos de magistratura e, nesse tempo, reparei que a sociedade sempre ficou à margem dos problemas da infância e da juventude, só os operadores do Direito tinham noção do que lhes acontecia. Fico tranqüila agora de termos à frente da Ceja uma pessoa de garra como a desembargadora Mousnier e tenho certeza de que essa campanha será um sucesso", contou a juíza.
Fonte: http://tj-rj.jusbrasil.com.br/noticias/2011382/tribunal-de-justica-lanca-campanha-favor-nao-jogar-seu-filho-no-lixo

Dois casos muito recentes de abandono cruelmente, um morreu antes de conseguirem socorrer, outro está internado e passa bem.Veja reportagem aqui:  http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2012/01/policia-busca-mae-de-recem-nascido-abandonado-em-terreno-baldio-do-rj.html
Foto do bebe  foi divulgação da Policia Cívil RJ

Quantas postagem já coloquei sobre abandono de recem nascido. Chega de tantos bebes recem nascidos achados nos lixos, beira de valões, já perdi a conta de quantos. E esse ano começou e nada mudou as mulheres "parem seus bebes" e jogam no lixo, dentro de sacos plásticos, ou seja é para morrer, não para alguém achar.
Todos já sabem que se não querem,  doem para adoção. Espero que essa realidade mude, pois é inadimissível que isso continue. E que relamente vire lei  e seja encarado como CRIME EDIONDO, sem direito a fiança.
Chega de desculpas, que fez isso, pois não tinha condições de criar, ou por que era muito pobre, ou por ter surtado, ou por estar com depressão pós parto, chega de desculpas, pois o recem nascido não tem como se defender desse ato de agressão.
Espero que essa lei se torne Lei Federal abrangendo todo o território nacional.
Abraços a todos e um bom sábado.
Beijos de concientização.
Lua.

10 comentários:

  1. Que pena dejar solito a un niño indefenso...un placer leerte,un abrazo.J.R.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É vergonhoso mesmo, querido amigo.
      Abraços de luz.
      Lua.

      Excluir
  2. Ôi querida amiga Lua! Assunto muito importante esse...Concordo com tudo que foi exposto...Agora eu questiono: se adotar, ou dar em adoção é um ato de amor, pq as autoridades criam tantas dificuldades e empecilhos p/quem quer adotar? Dá uma espiada na postagem de amanhã, 22/01, estará iniciando uma campanha...Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é amiga, também acho vergonhoso todos os obstáculos que a justiça coloca. Espero que isso mude logo.
      Beijos de estrelas.
      Lua.

      Excluir
  3. Cia Lua, una campagna da appoggiare in pieno, ma spero che la frase "non gettare un bimbo nel cestino" sia puramente figurativa per rafforzare il messaggio. Ho visto naturalmente anche i tuoi post precedenti. Tutto bello. Un amichevole abbraccio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente amigo, por aqui virou "normal" se achar bebes recém nascidos jogados no "lixo".
      Abraços de paz.
      Lua.

      Excluir
  4. Venha ajudar-me a pedir perdão. desvende os meus segredos

    http://escondidinha08.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradecida pela visita Escondidinha.
      Abraços de paz.
      Lua.

      Excluir
  5. Triste amiga mía que las madres hagan eso con sus bebés. Ahora con los adelantos que hay para prevenir quedarse en cinta y tener que tirar a un ser vivo a la basura como una piel de plátano una pena.

    Un beso mágico y abrazo inmenso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito triste para esses bebes, que mal nasceram e já sofrem com os desmandos de pessoas que não deviam ser capazes de gerar vida.
      Abraços de solidariedade.
      Lua.

      Excluir

Peço que se identifique, pois comentário ANÔNIMO é igual chamada restrita, você não sabe da onde vem e como retribuir.

Bençãos da Deusa.
Blessed be!!
Lua.