Minhas Canções.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Cão-guia um amigo para uma vida


* Pular, sentar, fingir de morto, dar a pata é tudo que costumam pedir para um cão, mas, acreditem, eles podem fazer muito mais!!! Dar a pata, pode significar muito mais do que um simples gesto, já que alguns cães estendem suas patas para quem, realmente, precisa deles.
* Os cães-guias oferecem aos seus parceiros segurança na locomoção, equilíbrio físico e emocional, facilitam sua socialização, e até sua auto estima melhora, sem contar com o fato de ser um amigo sempre presente para garantir sua independência e aquecer seu coração.


* A formação de um Cão-Guia tem início com um rigoroso processo de seleção genética e comportamental. * Depois de selecionado, próximo aos três meses, o cão inicia a fase de socialização, que se estende até, aproximadamente, o animal completar um ano de idade. Esta fase pode ser conduzida pelo treinador ou por uma família voluntária, que cuida do animal no seu primeiro ano de vida. Durante este processo o cão aprende a conviver em ambiente social, urinar e defecar apenas em locais apropriados e alguns comandos básicos para o convívio.
* Terminada a primeira fase, inicia-se o treinamento específico, com duração aproximada de sete meses, podendo se estender caso necessário. Nos primeiros seis meses, o cão aprende a desviar de obstáculos, perceber o movimento do trânsito, identificar objetos, encontrar a entrada e saída de diferentes locais, entre diversas outras atividades. No último mês é realizado o treinamento para transformar a dupla composta pelo cão-guia e seu usuário em um time que interagirá com a mais perfeita harmonia.
* O tempo total de treinamento é de aproximadamente 16 meses, podendo se estender até 21 meses. Depois de treinados, os cães-guias identificam o movimento do trânsito, desviam de buracos, encontram as entradas e saídas de diferentes locais, localizam banheiros, escadas, elevadores, escadas rolantes, cadeiras, desviam de obstáculos altos, evitando que pessoas com deficiência visual batam com a cabeça, entre outros feitos incríveis.


* Custo do treinamento
* Em média, o treinamento demora dois anos e custa o equivalente a R$ 25 mil no Brasil. Os deficientes visuais cadastrados no Projeto Cão-Guia e na Escola de Cães-Guia Helen Keller não pagam pelo animal, mas precisam enfrentar a fila de espera de tempo indeterminado.


* A coordenadora do Projeto Cão-Guia, Michele Pöttker, afirma que há cerca de 300 deficientes visuais na fila de espera da instituição. A ONG teria capacidade para entregar 25 cachorros por ano, mas, por falta de recursos, em 2009, preparou apenas quatro. No total, em nove anos, o projeto beneficiou 35 pessoas.
“A solução para treinarmos mais seria o apoio financeiro do governo ou de empresas. Estamos buscando parceiros para dar continuidade ao projeto”, diz.


* Um cão-guia é tipo de cão de assistência. É um animal adestrado para guiar pessoas cegas ou com deficiência visual grave, ou auxiliá-los nas tarefas caseiras.
* Durante a condução dos deficientes visuais o cão deve ter a capacidade de discernir eventuais perigos devidos a obstáculos suspensos, o que requer cães de inteligência bastante elevada e treinamento avançado.
* Embora os cães possam ser treinados para desviar vários obstáculos, eles não são capazes de distinguir cores como verde e vermelho, não podendo interpretar um semáforo. Eles são treinados para observarem o fluxo da área a ser percorrida e daí sim realizar a ação desejada com segurança.


* Características para se tornar um cão-guia
* Além de saúde perfeita, o animal tem que ser isento de agressividade para se tornar um cão-guia. Segundo Pereira, várias raças podem ser usadas na função, tais como boxer, dálmata e pastor-alemão, mas o que realmente importa é o temperamento. Por isso, 90% dos animais treinados são das raças labrador e golden retriever, reconhecidas como muito dóceis e trabalhadoras. “Quando o leigo vê um labrador, sabe que é um cão bonzinho.”


* É lei, está em vigor, e quase ninguém respeita a entrada do cão guia em restaurantes, bar, cinemas, teatros, onibus, taxis, etc...
* Esse cães não são maltratados, são treinados e não fazem suas necessidades quando andam na rua.
* A função do cão guia é dar mais independência ao "Deficiente Visual", mais na realidade não é isso que acontece, pois o Deficiente visual se depara com várias barreira, donos de estabelecimento comercial não aceita a entrada de animais, e olha que a entrada é garantida por lei. Mais os donos, ou gerentes dizem conhecer a lei, mais mesmo assim não permitem, muitas vezes mandam que deixem os cachorros do lado de fora. Bom se eles são os "olhos" do deficiente, é como se você pedisse: Por favor arranque seus olhos.
* Segundo pesquisa da organização "Cão-guia Brasil", existe apenas em todo o território brasileiro 80 cães-guias,para mais ou menos 1,5 milhões de cego. O treinamento é extenso, longo e demanda profissionais especializados. E como quase não tem patrocinios, no final o cão sai muito caro. Pois nem todos as "ongs" tem recursos para a doação de 100% do animal.


* Acho que falta concientização das pessoas, das autoridades, todo deficiente visual deveria ter um cão-guia, pois muito mais do que "animal", o cão é um amigo, companheiro, parceiro. Ele passe a ser a sua segunda alma, pois te ajuda em tarefas que para que enxengam é trivial, mais para quem não consegue ver são essenciais, livrando até de acidentes sérios.
* Espero que alguns empresários adote essa idéia com campanha em massa em jornais, tv, rádios, para que essa situação mude.
* E lembre-se ao indentificar um cão-guia pela rua, não chame a atenção dele, não brinque pois por mais bonito que seja nessa hora, o cão está trabalhando, e se você desviar a tenção do animal, a pessoa que ele está guiando pode se machucar seriamente. Então não seja incoerente!!! Pois muitas pessoas fazem isso, e na maioria das vezes eles são alertados e, mesmo assim continuam brincando com o cão.


* Serviço
Interessados em obter um cão guia, patrocinar ou ser voluntário nos projetos podem entrar em contato com as instituições:
* Cão Guia Brasil

* Escola de Cães-Guia Helen Keller

Espero ter plantando uma sementinha em cada pessoa que puder ajudar ou divulgar.
Beijos de estrelas.
Lua.

4 comentários:

  1. Olá, LUA:
    Obrigado por este Posting tão interessante e tão precioso.
    Os cães são de facto animais prodigiosos e AMIGOS.
    Beijo meu com o sabor que quiseres...rsrs
    Boa Noite.
    RUI

    ResponderExcluir
  2. Agradecida pelo seu comentário carinhoso, querido Rui.
    Beijos de anis.
    Lua.

    ResponderExcluir
  3. ces chiens sont absolument extraordinaires !
    merci pour cet article

    ResponderExcluir
  4. Querida MuMu, esses cães fazem o que a maioria dos seres humanos teriam que aprender.
    Beijocas.
    Lua.

    ResponderExcluir

Peço que se identifique, pois comentário ANÔNIMO é igual chamada restrita, você não sabe da onde vem e como retribuir.

Bençãos da Deusa.
Blessed be!!
Lua.