Minhas Canções.

domingo, 15 de maio de 2011

Poesias em palavras de Antero de Quintal



Nessa manhã de domingo espetacular de sol, por aqui, achei que esse poema sobre fadas, combinava perfeitamente.


As fadas

"As fadas... Eu creio nelas!
Umas são moças e belas,
Outras, velhas de pasmar...
Umas vivem nos rochedos,
Outras, pelos arvoredos,
Outras, à beira do mar...

Algumas em fonte fria,
Encondem-se enquanto é dia,
Saem só ao escurecer...

Outras, debaixo da terra,
Nas grutas verdes da serra,
é que se vão esconcer...

"Antero de Quintal"



Um começo de semana mágico para todos nós.
Beijos perfumados.
Lua

2 comentários:

Peço que se identifique, pois comentário ANÔNIMO é igual chamada restrita, você não sabe da onde vem e como retribuir.

Bençãos da Deusa.
Blessed be!!
Lua.